A obesidade em cães

Excessos e atividade física inadequada, muitas vezes causar obesidade em cães. Outras causas são discutidos a seguir:

Os cães que transportam uma quantidade excessiva de gordura,  pode ter efeitos adversos sobre a saúde,e são considerados obesos. A obesidade é um problema de saúde comum presente em cães. Cães obesos são susceptíveis de enfrentar aumento da pressão arterial e problemas cardíacos relacionados. Carregando quilos extras também pode causar insuficiência cardíaca congestiva e diabetes.

Causas
Os proprietários do cão, muitas vezes permitem que seus animais de estimação para levar uma vida sedentária, com pouco exercício físico. Isto provoca uma acumulação de gordura em torno dos órgãos diferentes do corpo do cão. Muitos cães se tornam obesos devido a uma baixa taxa de metabolismo. O metabolismo é um processo que ocorre em organismos vivos, pelo que o alimento consumido é utilizado para a produção de energia. Doenças do metabolismo, assim como a falta de exercício podem tornar o cão obeso. Metabolismo lento frequentemente faz com que o cão não responde ao ambiente circundante. Muitos alimentos de cão comerciais contêm quantidades elevadas de gorduras. Por isso, deve-se ter muito cuidado na escolha de alimentos para cães. A alimentação nutritiva recomendada para cães é muitas vezes alimentada em quantidades mais elevadas, que pode levar ao aumento de peso e obesidade. A ingestão excessiva de calorias, aumenta a quantidade de gordura no corpo. Os grãos são o principal componente de muitos alimentos de cão comerciais  e são uma rica fonte de carboidratos. Essa dieta de carboidratos pesada com o exercício inadequado  contribui para a obesidade do cão.

Um estudo recente sugere que determinadas raças de cães que incluem spaniels e labradores  são suscetíveis a esta condição, devido ao seu grande apetite. Uma doença subjacente, que diminui a capacidade de queimar energia em um cão, também pode causar a obesidade em cães. Doenças das articulações, como a artrite, impede o cão de ser fisicamente ativo  o que pode levar ao ganho de peso em excesso e obesidade.

Tratamento

Uma alimentação adequada que diminui a ingestão calórica diária do cão é essencial. Reduza o consumo de alimentos ricos em gorduras e carboidratos. Isto afecta directamente o peso do cão. Há uma abundância de dietas formuladas para perda de peso. Como os cães obesos comem mais, por isso é melhor para aumentar a ingestão de água e fibras para saciar sua fome. Aumente a atividade física do cão afetado. Isso ajudará a reduzir o peso do cão. Exercício frequente, sob a forma de esferas pequenas, é benéfico para o cão. É preciso ter muito cuidado ao dar comida para o cão, de modo a evitar excessos alimentares. Uma dieta terapêutica prescrita por um veterinário também pode ajudar a diminuir o peso significativo.

Suplementos naturais também é um excelente remédio para tratar a obesidade em cães. Deve-se escolher  suplementos que contêm ingredientes como o cardo e dente de leão. A investigação demonstrou que estes ingredientes têm sido eficazes no tratamento de cães obesos. Estes ingredientes desintoxicam o corpo e limpam o sistema de cão a partir de gorduras acumuladas. Outro ingrediente útil para o tratamento de cães obesos é Fucus vesiculosus. Esta erva é rica em vitaminas A, B, C e D. Além disso, contém cargas minerais como potássio, magnésio, ferro e zinco. Estas vitaminas e minerais desempenham um papel muito importante no restabelecimento de uma taxa de metabolismo saudável requerida para reduzir a lentidão do cão. Existem alguns medicamentos naturais à base de plantas que podem também ajudar a resolver este problema.

Para lutar eficazmente contra a obesidade, uma dieta rigorosamente controlada é recomendada para o cão. Ao mesmo tempo, assegure que o cão esteja ficando exercício adequado. Muito exercício acompanhado por uma dieta saudável pode fazer maravilhas para cães obesos.




Related posts

Leave a Comment